Pensando nos animais, no meio ambiente e principalmente, no ser humano, Sergey Brin, co-fundador do Google investiu aproximadamente 330 mil dólares num projeto para criação de carne sintética.

Por enquanto, ocorreu em Londres, apenas um evento de degustação. O próximo passo será criar um hambúrguer e dimensionar a produção.

Uma equipe na Universidade de Maastricht, liderada pelo fisiologista Dr. Mark Post será responsável pelo cultivo em laboratório. Ele argumenta que a carne sintética melhorará o processo sem a necessidade de matar animais.

“Eles identificaram esta tecnologia como algo que se encaixa em seus objetivos de meio ambiente e bem-estar animal. Eles gostaram da minha abordagem e decidiram financiá-la”, disse Post sobre a ajuda externa.

Assista ao vídeo abaixo e entenda o conceito. Se precisar, a legenda em português está ativa.