Lançada em julho de 2016, Stranger Things, série original Netflix, reune gêneros como ficção científica, mistério e terror.

imagem: divulgação Netflix

imagem: divulgação Netflix

A série se passa em Hawkins, Indiana, e é toda ambientada nos anos 70-80, incluindo trilha sonora e figurinos da época.

As referências nostálgicas a filmes da década de 80 nessa série são bastante perceptíveis: E.T – O Extraterrestre, The Goonies, Alien, Poltergeist, Fica Comigo, A Hora do Pesadelo, IT e diversas outras.

Ulysse Thevenon, usuário do Vimeo, reúne de forma genial os filmes usados como referência na série, juntamente com cenas da própria Stranger Things. Vale a pena conferir:

References to 70-80’s movies in Stranger Things from Ulysse Thevenon on Vimeo.

Como dito anteriormente, a trama se passa na cidade de Hawkins, Indiana, no ano de 1983, e baseia-se na busca de um garoto que desaparece estranhamente sem deixar rastros. Winona Ryder volta às telas com tudo surpreendendo a todos com sua incrível atuação no papel de Joyce, mãe do menino desaparecido. Desesperada, ela pede a ajuda do delegado local para encontrar seu filho. As investigações do delegado juntamente com as descobertas dos amigos do garoto desaparecido trazem a tona experimentos ultrassecretos do governo, forças sobrenaturais (com direito à monstros) e uma garotinha estranha com poderes especiais.

Em cena, Eleven (Millie Bobby Brown) amassa lata com a força do pensamento.

Em cena, Eleven (Millie Bobby Brown) amassa lata com a força do pensamento.

Stranger Things reúne personagens cativantes, roteiro com um suspense eletrizante, trilha sonora com bandas de sucesso na década de 80, incluindo The Clash, Joy Division, New Order, David Bowie, entre outros. Figurino também remetente a época, uma linda fotografia.. Ou seja, a série não demorou muito para cair no gosto do público (especialmente no Brasil) e virar febre nas redes sociais, ficando nos trend topics e ultrapassando até mesmo o seriado Game of Thrones, da HBO.

Joyce (Winona Ryder), Jonathan (Charlie Heaton) e Nancy (Natalia Dyer) em cena.

Joyce (Winona Ryder), Jonathan (Charlie Heaton) e Nancy (Natalia Dyer) em cena.

A série estreou com a primeira temporada completa, o que já é comum das séries originais da Netflix. A primeira temporada conta com oito episódios de aproximadamente uma hora e mantém a linha de suspense sempre ativa. E para os que estão ansiosos pela sua segunda temporada, uma boa notícia: ela já é planejada pelos seus produtores, os irmãos gêmeos Matt e Ross Duffer: “Percebemos que nós estávamos nos apaixonando por esses personagens e que o público iria amá-los também, então o plano seria tratá-la como uma continuação, onde há uma tensão diferente, mas ao mesmo tempo ficar com esses personagens um pouco mais”, afirma Ross Duffer. “Vai chegar em um ponto que você eventualmente vai se perguntar ‘Por que essas pessoas simplesmente não vão embora dessa cidade?’” completa.

Mike (Finn Wolfhard) e Eleven (Millie Bobby Brown)

Mike (Finn Wolfhard) e Eleven (Millie Bobby Brown) em cena.

O serviço de stream da Netflix já é bastante famoso entre os brasileiros desde seu lançamento em 2011. Com séries de sucesso incluindo Sense8, House of Cards, Jessica Jones, Orange is the New Black, Demolidor, a própria Stranger Things, entre outras. Recentemente a Netflix vem lançando também filmes de produção própria. Apesar de os seus dados de audiência não serem divulgados, estudos independentes apontam que o Brasil se tornou o quarto país onde a Netflix tem mais audiência.
É incrível em um país como o Brasil onde a pirataria é comum, que serviços pagos como os da Netflix sejam tão comprados.
Fazendo pesquisas, sugerindo filmes e séries para os usuários, colocando-os de fato como prioridade principal, é que a Netflix se tornou a empresa bem sucedida que é atualmente.