“Sombra e água fresca”, esta frase é algo muito comum de se ouvir e é o sonho de toda pessoa: Trabalhar em um local onde se possa obter todo o conforto que se tem em casa.
O ambiente de trabalho, que muitas vezes é desconsiderado quando analisando a produtividade de uma empresa, pode definir em qual pólo a empresa estará. Como exemplo disso, temos a Google, que é considerada uma das melhores empresas para se trabalhar, devido às estupendas condições de trabalho oferecidas pela mesma, já que ela deixa de lado a forma padrão que é implementada em outras empresas na área da tecnologia, onde os funcionários sentam enfileirados em frente a seus computadores, privados de qualquer tipo de recreação ou interação com o meio.
Já no pólo contrário, a Samsung, outra empresa de renome no mercado tecnológico atual, foi processada este ano (2013) pelo MPT, Ministério Público de Trabalho, por expor seus funcionários a trabalho excessivo e más condições de trabalho em geral, tendo que pagar uma alta quantia em dinheiro.
Existem várias empresas onde o funcionário tem acesso a um ambiente muito mais favorável à produção: Puffs e sofás, redes e balanços, coisas que não são vistas casualmente em ambientes de trabalho, mas que colaboram com a saúde (física e psicológica) reduzindo o estresse e a fadiga causada por más condições, além de problemas como problemas ergonômicos, LER, depressão e muitos outros.
Portanto, são muitas as vantagens de oferecer aos seus funcionários um bom ambiente de trabalho, mas vale a pena, ou a exaustão gera mais lucro? A partir daqui, é você quem decide.

Confira a relação feita pela Exame, de empresas que buscam dar qualidade de vida para seus funcionários clicando aqui.