A quantidade de pessoas conectadas em diversas redes sociais ao redor do mundo atualmente, já modificou de várias formas a vida offline, seja pela rapidez com que se consome informação, o suposto “vício” da vida online ou o encurtamento da distância entre as pessoas em todo lugar.

Infelizmente, ainda não se utiliza desse poder da internet de forma consciente para salvar o planeta, seja ativamente nas redes ou com pequenos gestos fora dela, como mostram os dados do site americano Mashable:

  • Se cada usuário da nova rede Pinterest compartilhasse uma ideia sustentável por mês em seu painel, seriam 12 milhões de novas ideias eco-friendly na internet.
  • Daria pra encher 1.136,364 piscinas olímpicas se cada usuário do Facebook passasse um minuto a menos no banho.
  • Se todos os usuários do Twitter desligassem seus computadores por uma hora, seria equivalente a tirar 9,128 carros das ruas todos os anos.
  • Se você passasse 2 minutos do seu dia vendo um vídeo sobre sustentabilidade, você teria 12 horas a mais de conhecimento sobre o assunto.
  • Reciclar todos os smartphones quando sua vida útil acaba, economiza energia elétrica equivalente a 199,800 casas o ano inteiro.
  • Correr na rua ao invés da esteira apenas um dia, economizaria U$442,500 aos usuários do Nike+

Mudanças pequenas que afetam muito pouco o dia a dia das pessoas, mas que podem uma grande parcela de responsabilidade pela preservação da Terra.