Fazer contato com uma equipe de qualquer local do mundo não é mais novidade desde que o uso da internet ficou popular. Conforme o crescimento de start-ups e modelos de empresas que contam com colaboradores remotos, novas necessidades de comunicação surgiram.
A fusão dos avanços tecnológicos com as mudanças no mercado de trabalho resultaram na criação de escritórios colaborativos. No Brasil, estão disponíveis o Slack e o Flock – este último, utilizamos aqui na Cronic e ajudou a diminuir o fluxo de e-mails e chamadas por outros aplicativos.
A estrutura dos chats permite otimizar a comunicação com foco no trabalho, formando equipes e criando diferentes canais para cada assunto. Entenda como isso pode auxiliar suas relações no trabalho, independente da distância física entre seus colegas.

Por que adotar um escritório colaborativo online?

Ainda que aplicativos de mensagens convencionais permitam a criação de grupos, não são ideais para relações de trabalho – o que não significa que não sejam muito utilizados.
Além de muitos preferirem desconectar desses aplicativos para evitar distrações com mensagens sem relação com o trabalho, a comunicação por lá muitas vezes fica repleta de ruídos e confusão. 
A realidade de plataformas como Slack e Flock é diferente. Nelas, você pode criar um ambiente apenas com o pessoal específico do trabalho e formar times. No início, pode parecer um pouco complicado devido à variedade dos recursos, mas em pouco tempo todos se encontram bem.
Um dos principais diferenciais é a viabilidade de adicionar usuários de outras empresas que estejam envolvidas em algum projeto, tais como fornecedores e clientes, para acompanhar os trabalhos. Tal recurso torna a comunicação muito mais transparente para toda a equipe.
É interessante desenvolver uma estratégia para que as conversas não fiquem espalhadas entre os diversos serviços, a fim de que todas as pendências sejam solucionadas em tempo hábil.
Outra situação é que, com a divisão dos assuntos, as conversas não ficam misturadas, gerando confusão e ruídos de comunicação. Também é possível conversar com um colega em particular usando o chat privado.
Essa é uma maneira importante de aperfeiçoar a comunicação entre a equipe, evitando as enxurradas de e-mails com cópias para todos ou mesmo a interrupção dos trabalhos para uma reunião.
Nos Estados Unidos, esses escritórios colaborativos já são bastante utilizados há muitos anos. Aqui no Brasil, são mais comuns em empresas de desenvolvimento de software. Mas, todos os segmentos podem se beneficiar de suas ferramentas.

Aplicativos e serviços integrados

A possibilidade de integrar as plataformas e aplicativos que já são utilizados nos meios profissionais fazem do Flock e do Slack ferramentas ainda mais relevantes para o meio corporativo.

As equipes podem utilizar em conjunto o Dropbox, Google Calendar, Google Drive, Trello, Hangouts, Asana, Zendesk, entre outros serviços bastante populares em escritórios. Essa integração auxilia a adotar os escritórios colaborativos, pois permite aproveitar as plataformas já utilizadas e seguir realizando compartilhamento de arquivos, de tela, chamadas ao vivo e muito mais.
O Flock já vem integrado com pelo menos 44 aplicativos, enquanto o Slack conta com um tipo de loja interna de aplicativos com inúmeras opções, na qual é possível selecionar e adicionar aquelas que sua equipe mais usa.

Uso responsivo

Tanto o Flock quanto o Slack tem uma interface limpa, bastante intuitiva e livre de propagandas, favorecendo o andamento dos trabalhos em equipe. Em ambos, as sessões ficam dispostas de maneira semelhante na tela.
Os dois serviços são compatíveis com dispositivos móveis, tanto no sistema Android quanto IOS, o que facilita a mobilidade e disponibilidade das equipes.


O principal recurso é o mesmo: troca de mensagens entre equipes. Enquanto o Slack é todo em inglês, o Flock conta com versão em português desde o seu lançamento no mercado brasileiro.

Quanto custa?

As duas empresas oferecem planos gratuitos, com algumas limitações específicas, e planos pagos com diferenciais de acordo com as necessidades das equipes. Essas especificidades são números de mensagens, capacidade de armazenamento, envio de arquivos, etc.

Minha empresa pode usar?

O grande trunfo dos mensageiros corporativos é profissionalizar a comunicação. Não importa o tamanho da sua equipe, essas ferramentas podem agilizar o andamento dos trabalhos.
Engana-se quem pensa que apenas start-ups e novas empresas integram seus processos com os serviços de mensagem voltados ao meio corporativo. Gigantes do mercado como Whirpool, Ricoh, Victorinox e Tim Hortons adotaram mensageiros na sua rotina de trabalho.
Com planos gratuitos que podem ser amplamente explorados, você pode testar o Flock ou o Slack na sua equipe e verificar quais atendem melhor às necessidades de comunicação interna.
As ferramentas são totalmente personalizáveis, desde o uso de emojis e gifs – que tornam a comunicação entre os membros muito mais leve, acredite – até a criação de canais específicos. Faça o teste e depois deixe seu comentário falando sobre o que mudou na sua empresa.